mecânico automotivo

10 fatores fundamentais em um mecânico automotivo

Quem trabalha como mecânico automotivo sabe bem como o mercado mudou nos últimos anos e como, cada vez mais, os consumidores estão exigentes. Sendo assim, é uma estratégia comercial aprimorar os conhecimentos técnicos para oferecer serviços de alta qualidade. 

E isso não se limita apenas à qualidade dos serviços prestados na oficina! Outros detalhes, como imagem profissional, organização, capacitação e atendimento, são alguns exemplos de fatores fundamentais que o mecânico automotivo deve levar em consideração nesses dias. 

Sendo assim, para melhorar a imagem profissional e se tornar referência de qualidade em seus serviços, dê uma olhada nas dicas que separamos a seguir.

 

Afinal, por que investir na profissionalização de mecânico automotivo? 

“Profissionalização” – essa é a palavra-chave para o sucesso de um mecânico automotivo no Brasil. Mas não é apenas realizar cursos preparatórios e adquirir mais conhecimentos técnicos.

Em outras palavras, além de adquirir desenvolvimento técnico, é preciso também trabalhar a imagem pessoal, as habilidades comunicacionais e de organização. Quanto mais transparente for o serviço, melhor será a avaliação do público.

 

E quais fatores fundamentais que um mecânico automotivo precisa investir? 

Sabendo que o mercado está mais competitivo e que os clientes estão mais exigentes, os mecânicos automotivos precisam ampliar os leques e buscar oferecer diferenciais ao mercado, em uma rotina constante de inovações. 

Para exemplificar, nós separamos algumas dicas indispensáveis. Confira! 

 

1. Saiba como atender bem os clientes 

Antes de realizar um trabalho técnico, o mecânico automotivo precisa saber como atender os clientes. Afinal, de nada adianta ser um expert em carros, se o atendimento não agrada. 

Para isso, recomenda-se seguir algumas estratégias: 

  • crie um ambiente agradável e de conforto para aos clientes; 
  • fale com segurança e transmita conhecimento; 
  • mostre opções e alternativas;
  • se coloque no lugar deles para tentar entender melhor as necessidades. 

 

2. Faça diagnósticos técnicos 

“Ih, esse problema é grave, hein?”, “Isso não sai barato não, tá?”, ou ainda, “Esse modelo de carro sempre dá isso.” Enfim, frases como essas já são batidas nas oficinas mecânicas e ninguém gosta de ouví-las. 

Por isso, fazer diagnósticos técnicos e transparentes é um dos fatores fundamentais que todo mecânico automotivo deve levar em consideração durante o atendimento. Na prática, isso aumenta a confiabilidade da oficina e evita desconfianças por parte do contratante. 

 

3. Invista em capacitação profissional 

Além do conhecimento adquirido na prática diária, fazer cursos e se atualizar sobre as novidades do mercado é imprescindível. Portanto, agregue valor a sua carreira buscando aprimoramento técnico por meio de cursos, treinamentos, leituras, eventos, entre outras opções. 

 

4. Seja proativo e desenvolva espírito de liderança

Um mecânico automotivo pró-ativo e com espírito de liderança é aquele que vai fazer o diagnóstico do carro e resolver o problema rapidamente, tomando suas próprias decisões de trabalho e assumindo o controle quando as situações o justificam.

[e-book] Como precificar o valor da hora de mão de obra? | Baixar grátis | Engecass

5. Foque na solução de problemas

Ninguém gosta de ficar sem seu carro! Por isso, os clientes esperam que os serviços do mecânico automotivo sejam realizados o mais rápido possível.

Logo, o profissional deve ser capaz de sugerir rapidamente as formas possíveis de resolver os problemas e evitar dar longas voltas em um diagnóstico. Ele deve ser capaz de encontrar a melhor solução em um período de tempo limitado.

 

6. Seja comunicativo 

Já falamos da importância de prestar um bom atendimento, certo? Porém, para sentir mais segurança no trabalho da oficina, os clientes gostam de entender qual o problema do carro e o que exatamente está sendo feito. E nem sempre isso se resolve apenas com atendimento, mas sim com comunicação eficiente.

Além disso, o mecânico automotivo precisa se colocar na posição de especialistas e que, nem sempre, o cliente do outro lado domina o mesmo assunto, precisando muitas vezes compartilhar o conhecimento de forma mais didática e menos técnica. 

 

7. Trabalhe com ética e transparência 

Trabalhar com transparência no setor automotivo é sinônimo de confiança e credibilidade, o que consequentemente, aumenta as chances de fidelização do cliente e do aumento de demandas futuras, indicações de serviços e retorno do consumidor. 

Como dica, trabalhe com tabelas, médias de preços, fornecedores fixos, análise dos valores da concorrência e, claro, preços justos. 

 

8. Esteja em dia com as mais novas tecnologias 

As tecnologias estão em constante evolução e, portanto, o mecânico automotivo moderno precisa acompanhar esse ritmo em tudo, seja no conhecimento de novos modelos, seja na escolha de ferramentas de trabalho. 

Ou seja, desde aplicativos de atendimento e gestão da oficina, até equipamentos automotivos mais modernos para a loja, são exemplos de soluções tecnológicas que os profissionais precisam estar atentos constantemente. 

Por isso, como dica, pesquise sempre sobre novas tendências, vantagens que essa modernização pode trazer na prática na oficina mecânica, o que os clientes estão usando e buscando nesse meio, entre outras. 

 

9. Amplifique os serviços 

O mercado oferece uma gama enorme de serviços e soluções, que podem agregar valor ao negócio e, claro, expandir as oportunidades de ganhos em sua oficina. 

Para isso, busque por novas especializações no setor automotivo, procure parcerias estratégicas com outros profissionais, focando em oferecer novas experiências aos clientes.

 

10. Aprenda a vender melhor 

Muito mais que um profissional técnico, o mecânico automotivo moderno deve também fazer o papel de vendedor. Mas vamos com calma! Vender bem não é tentar “empurrar” novos serviços aos clientes.

Em outras palavras, o mecânico automotivo precisa saber convencer a clientela e oferecer soluções realmente vantajosas aos consumidores, sem enrolação ou “pegadinhas”. 

Para isso, todas as dicas citadas até aqui são fatores fundamentais! Mas também deve-se adicionar outros aspectos como: facilidade na comunicação, imagem profissional da oficina, segurança e transparência nas negociações e credibilidade no mercado. 

Enfim, esses são alguns dos fatores fundamentais que todo mecânico automotivo deve levar em consideração para se destacar no mercado. Vale lembrar ainda que cada um desses pontos abordados no artigo deve fazer parte de uma rotina frequente e constante de sua oficina. Ou seja, precisam ser trabalhados diariamente e seguindo as tendências e evoluções do setor automotivo, cada vem mais dinâmico e inovador. 

E você, já se considera um mecânico automotivo moderno e atualizado? Ou concorda que esse é um processo de aprendizado sem fim? Sendo assim, para complementar ainda mais seu conhecimento, a gente tem mais umas dicas para compartilhar com você! Leia o próximo post e descubra alguns dos aplicativos para oficinas mais utilizados hoje em dia! 

[E-book] 60 Dicas para atrair novos clientes para sua oficina mecânica | Baixar Grátis | Engecass

Conheça nosso catálogo de Equipamentos Automotivos | Engecass

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.