elevador automotivo usado

Elevador automotivo usado: Vantagens e desvantagens

Muitos donos de oficinas mecânicas, no intuito de economizar, acabam optando por investir em equipamentos de segunda mão nos estabelecimentos. No entanto, quando tratamos de maquinários maiores e manuseados com frequência no dia a dia, como o caso de um elevador automotivo usado, a pergunta que fica é: será que vale mesmo essa economia? 

Preparamos um post exclusivo para destacar algumas vantagens e desvantagens de se investir em um elevador automotivo usado, em comparação com um equipamento novo. 

Boa leitura!

 

Afinal, vale a pena investir em um elevador automotivo usado? 

É impossível ter uma resposta única para essa questão, já que há infinitas variáveis envolvidas nessa negociação. Como especialistas no assunto, a principal recomendação é evitar essa escolha se possível, tendo em vista o maior custo-benefício de um equipamento novo. 

O fato é que comprar um elevador automotivo usado é contar com a sorte e assumir os riscos de funcionamento. Logo, se você realmente apostar nesse investimento, avalie alguns pontos essenciais antes de fechar o negócio. Por exemplo: 

  • quanto tempo de uso tem o elevador automotivo usado; 
  • qual o motivo da venda; 
  • quem está vendendo; 
  • em caso de defeito, ainda compensa a economia realizada. 

 

Quais as vantagens e desvantagens de comprar um elevador automotivo usado? 

Quando se fala em investir em equipamentos automotivos usados para oficinas, a primeira “vantagem” é a economia na compra. Sem dúvidas, os preços costumam ser mais atraentes para negociar.

Porém, muita cautela nessa hora! Só é vantajoso investir em um elevador automotivo usado, se comprovado a correta manutenção, que não houve adaptação de peças, para que não haja problema em poucos meses.

Além disso, que garanta a segurança e eficiência dos serviços, sem se tornar um “elefante branco” em na oficina.

Por outro lado, a lista de desvantagens em comprar um elevador automotivo usado é muito maior e mais lógica. Por exemplo: 

  • você corre o risco de gastar com mais manutenções
  • não há garantias de trocas; 
  • há maiores riscos de acidentes ou mau funcionamento do equipamento; 
  • pode influenciar na eficiência dos serviços; 
  • há mais probabilidades de defeitos e paralisação do equipamento; 
  • não conseguir revendê-lo mais. 

 

E qual o custo-benefício de um elevador automotivo novo? 

Para quem não quer dor de cabeça, a dica é optar por um elevador automotivo novo para a oficina. Vamos tentar mostrar como essa escolha é mais econômica e vantajosa para o seu bolso. 

Antes disso, vale destacar que o mercado conta com inúmeros modelos, tipos e tamanhos de elevadores automotivos. Logo, há uma variedade grande de escolhas, facilitando assim a decisão de compra, de acordo com as necessidades do negócio e orçamento disponível.

Essas são algumas das vantagens práticas do produto novo. Confira! 

Em resumo, essas são algumas das vantagens e desvantagens de se investir em um elevador automotivo usado ou em qualquer outro equipamento para a sua oficina. Como bem dissemos, esse tipo de negociação pode acarretar em riscos. Em contrapartida, visto o custo-benefício de um produto novo, certamente comprar diretamente de um fabricante oferece mais garantias, segurança e eficiência para o seu negócio! 

 

Gostou das dicas? Então, aproveite para saber mais sobre o assunto e confira um outro artigo, no qual destacamos 5 bons motivos para não arriscar com um elevador automotivo usado. Boa leitura! 

Conheça nosso catálogo de Equipamentos Automotivos | Engecass

Conheça nosso catálogo de Equipamentos Automotivos | Engecass

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.